Barriga Tanquinho

Barriga Tanquinho: treino feminino

barriga tanquinho treino feminino

Para ter a tão sonhada barriga tanquinho, é preciso muito trabalho. Siga as dicas a seguir para alcançar o objetivo de forma adequada:

  • Perca peso: para chegar na barriga tanquinho é preciso defini-la. Dessa forma, você precisa primeiro eliminar toda a gordura. Priorize os exercícios que resultam no emagrecimento e evite ganhar mais gordura. Depois disso você pode tonificar os músculos como deseja;
  • Bicicleta invertida: deite-se de costas com as mãos atrás da cabeça e gire as pernas, como se estivesse andando de bicicleta. Inspire e expire pausadamente enquanto faz o exercício. Para intensificar, levante suavemente a cabeça, dando mais pressão ao abdômen. Repita três vezes, por três minutos cada;
  • Abdominal com bola: deite-se sobre a bola, descansando as costas e colocando os pés no chão. Posicione suas mãos atrás da cabeça. Faça flexões de cima para trás, mantendo a lombar na bola;
  • Abdominais: em geral, as abdominais são o exercício mais importante para definir a barriga. Varie entre o tradicional, o oblíquo e outros de sua preferência. Faça 3 séries de 12 repetições, para forçar os músculos a ganharem forma e ficarão definidos;
  • Twist: separe suas pernas na largura dos ombros. Estique os braços para os lados. Toque os dedos da mão esquerda no dedão do pé direito, volte e repita o movimento do outro lado. Faça 3 séries de 12 repetições;
  • Exercício de torção: tente encostar o cotovelo direito no joelho esquerdo, o máximo que conseguir. Em seguida, repita o movimento do outro lado. Repita esse exercício algumas vezes;
  • Levantar a perna: sente-se em um banco plano com os braços para trás, como apoio. Em seguida, levante as pernas, dobrando os joelhos no nível da barriga. Esprema o abdômen e desça levemente as pernas. Não encoste os pés no chão. Repita os exercícios com 3 séries de 20 repetições;
  • Caminhada: não são apenas os exercícios de abdômen que ajudarão na busca pela barriga tanquinho. Caminhadas que fazem com que você sue e aceleram o coração também são importantes para alcançar esse objetivo;
  • Spinning: as aulas de spinning são muito benéficas para obter músculos mais tonificados. Isso inclui não só o abdômen, mas também o bumbum e as coxas.

Barriga Tanquinho em 30 Dias: treino abdominal

treino abdominal

Existem muitos apps para celular que podem te ajudar a conquistar uma barriga tanquinho da forma mais prática possível. O Barriga tanquinho em 30 dias: Treino Abdominal tem treinos apropriados para todos os níveis, com a vantagem de que você pode fazê-los em qualquer lugar. Seus recursos incluem:

  • Rotinas de treino de 30 dias para uma barriga tanquinho e um corpo mais forte;
  • Treinamento incrível que controla o peso e fortalece os músculos;
  • Passo a passo de cada exercícios;
  • Lembretes de treino personalizados;
  • Progresso do treinamento gravado automaticamente;
  • Apropriado para todas as pessoas: iniciantes, experientes, homens, mulheres, jovens e idosos.

Dieta para ter uma Barriga Tanquinho

dieta para barriga tanquinho

Para secar a gordura e finalmente obter a sua barriga tanquinho, é preciso ter uma alimentação saudável e balanceada. Priorize o consumo de legumes, verduras e frutas, que são alimentos de fácil digestão. Invista nas fibras para ajudar no funcionamento do intestino. Elas também eliminam aquela sensação de barriga inchada e estufada. Lembre-se de beber bastante água: um organismo bem hidratado consegue eliminar toxinas e diminuir a retenção de líquidos.

As gorduras boas também são importantes para promover uma maior oxidação dos ácidos graxos e reduzir o índice glicêmico dos alimentos. É importante consumi-las em doses adequadas:

  • Azeite de oliva extra-virgem: 2 colheres de sopa ao dia;
  • Abacate: 1/2 unidade ao dia;
  • Castanha-do-Pará: 3 unidades ao dia;
  • Amêndoas: 4 unidades ao dia;
  • Óleo de coco: 2 a 3 colheres de sopa ao dia.

Mas fique atenta: alguns alimentos saudáveis devem ser consumidos com cautela. Couve-flor, couve-manteiga, couve-de-Bruxelas, repolho e brócolis provocam gases, o que aumenta o volume abdominal. Leguminosas como feijão, ervilha, lentilha, grão-de-bico e soja também costumam provocar esse efeito. Deixe esses alimentos de molho na noite anterior ao preparo. Depois, lave bem os grãos em água corrente e coloque em uma água nova para cozinhar.

As frutas devem ser frescas, sem açúcar, creme de leite ou leite de condensado. Esqueça as carnes gordas: as peças devem ser de boi, sem gordura aparente, de peixe ou pedaços de frango sem pele. Os carboidratos devem ser integrais, por isso já acrescente o arroz e o macarrão integrais à sua lista de compras.

Para emagrecer, você não precisa sentir fome. O segredo é comer em menores quantidades, mas em mais vezes ao dia. Um lanche entre as principais refeições é uma boa pedida. Lembre-se também de mastigar bem os alimentos, porque isso facilitará a digestão.

Evite os seguintes alimentos:

  • Carboidratos simples: arroz branco, pão, massas em geral, doces e farinhas brancas têm alto índice glicêmico, fazendo com que se aumente a produção de insulina, o hormônio que estimula o organismo a estocar gordura no corpo;
  • Sódio: seu excesso provoca retenção de líquidos, inflando a região do abdômen. Ele está presente em grande quantidade nos alimentos industrializados;
  • Alimentos gordurosos: principalmente queijos amarelos e frituras;
  • Açúcares, doces, bebidas com gás e bebidas alcoólicas.

Barriga com Estrias pode ser Tanquinho?

Pode, porque uma coisa não está relacionada com a outra. Normalmente, as estrias apenas significam um desafio a mais na busca por esse objetivo. Mas não deixe que isso lhe impeça de alcançar a barriga dos seus sonhos.

Fontes:

http://dev.ignisco.de/abne/htdocs/content/uploads/2015/06/ARTIGO-4.pdf

http://www.redalyc.org/service/redalyc/downloadPdf/1153/115315943007/1

http://www2.pucpr.br/reol/pb/index.php/rfm?dd1=3499&dd99=view&dd98=pb

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar para o Topo